Para agendar sua consulta
entre em contato:
(11) 3262-0621 / (11) 99787-4512.

Unidade I: Rua Bela Cintra, 968 (Paulista) - Unidade II: Rua Frei Caneca, 33 (Consolação) - (11) 3262-0621 - Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Sapato e personalidade

 Entrevista cedida para o site Vila Mulher

Há relação entre o calçado e personalidade?

Esta entrevista foi solicitada depois que um site publicou o resumo de uma pesquisa americana onde declara que há até a possibilidade de uma “tabela fidedigna” onde podemos apontar o sapato que vimos no pé da pessoa e sem ao menos ver seu rosto já sabermos tudo a respeito de sua personalidade. Será?

Psicologo para tratar personalidadeVocê acredita que o calçado pode apontar a personalidade das pessoas?

Psicóloga: A principio essa idéia parece um absurda, mas quando pensamos bem vemos que a psicologia considera todas as nossas manifestações como representação de conteúdos internos. Por exemplo, seu tom de voz pode exprimir um estado de espirito, pensamentos e sentimentos. O tipo de filme que você assiste pode demonstrar seus interesses, valores e necessidades. O risco está em simplificar demais estas análises e considerar apenas um aspecto. Por exemplo, não podemos dizer que uma pessoa que assiste a filmes violentos seja violenta, pois esta pessoa pode não ter tido prazer em ver cenas violentas mas ter assistido ao filme por curiosidade em saber o que os outros estão assistindo por exemplo.

Sendo assim o risco em admitir que os sapatos refletem a personalidade da pessoa está em olhar apenas um aspecto e por puro preconceito pensar que já se sabe tudo a respeito desta pessoa. Por exemplo, uma mulher que usa sapatos de salto alto vermelhos pode facilmente ser considerada uma mulher que gosta de se insinuar sexualmente, mas existe a possibilidade de ter usado este tipo de sapato por desejar ser aceita pelo grupo de mulheres que também usam este tipo de sapato por exemplo.

Se isto for mito, porque é impossível estabelecer esta relação?

Psicóloga: Há toda uma gama de testes em psicologia que usam as manifestações externas para que se possa acessar conteúdos internos. A roupa, inclusive sapatos, podem ter sido escolhidos conforme o estado de espirito naquele momento. O perigo está em não compreender todas as possibilidades de interpretações sobre o que ela vestiu ou calçou e cair em preconceitos.

Reporter: Bianca de Souza

Agende sua consulta >> Ligue no (11) 3262-0621 ou clique aqui

psi2

Escolha aqui seu Psicólogo - Quanto custa a psicoterapia? - Informações gerais
Consulta com psicólogo - Agende aqui

*O material deste site é informativo, não substitui a terapia ou psicoterapia oferecida por um psicólogo.
Escolha aqui seu Psicólogo
Quanto custa a psicoterapia
Informações gerais
Consulta com psicólogo
Agende
aqui

AGENDE SUA CONSULTA

(11) 3262-0621 / Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Unidade I

Rua Bela Cintra, 968
(Av. Paulista)

Unidade II

Rua Frei Caneca, 33
Centro - SP