Para agendar sua consulta
entre em contato:
(11) 3262-0621 / (11) 99787-4512.

Unidade I: Rua Bela Cintra, 968 (Paulista) - Unidade II: Rua Frei Caneca, 33 (Consolação) - (11) 3262-0621 - Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Para uma Vida Melhor

 

Psicologo que atende para vida melhor

Relacionamentos

Analise a possibilidade de equilíbrio de todos os tipos de relacionamentos em sua vida. Relacionamentos podem enriquecer: amigos, conhecidos, amigos íntimos e confiáveis para confidências, pessoas que são apenas conhecidas, mas você as cumprimenta com alegres “como vai?”, familiares com quem você poderá contar nos momentos difíceis, amantes (que pode incluir namorado, marido, ficante, etc), e colegas de trabalho e mentores, etc.

Aparência

Vejo que há diferença entre boa aparência e aparência adequada. Para estarmos confortavelmente inseridos socialmente podemos perceber quando seria mais interessante usar bermuda e quando usar roupa social. Também faz parte da adequação você conseguir olhar no espelho e gostar do que vê. Considero importante ter uma análise critica sobre nós mesmos. Também não podemos esquecer que o mundo pode ser um tanto preconceituoso e as vezes podem fazer uma primeira avaliação considerando a aparência.

Ser afirmativo

Talvez você se comporte de forma diferente a diferentes pessoas e não percebe que isso acontece. Pode ser mais submisso diante de uns e mais espontâneo diante de outros. Já parou para pensar no porque disso? É porque as pessoas podem influenciar como os outros devem reagir a elas – e também não percebem que fazem isso. Uma boa forma de fazer isso é sendo afirmativo: você pode se colocar de forma segura e não ter medo de dizer o que pensa, mas não se esqueça de ser elegante.

Ser independente

Pense em todas as formas de independência que lhe interessa e considere lutar por cada uma delas. Ser independente emocional e financeiramente pode ser interessante. Faça de tudo para que suas decisões não sejam baseadas no quanto as pessoas o aprovariam ou no quanto você ficaria desamparado caso vá por um caminho contrário aos desejos dos outros. Isso inclui as pessoas que não separam um relacionamento frustrante porque precisa de ser mantida financeiramente pelo outro. Também inclui as pessoas que compram, comem e usam coisas que não gostam mas sentem que precisam agrada as outras pessoas mais do que a si mesmas.

Ser autônomo

Iniciativa. Ter em mente quais são os seus valores e o que é importante para você. Não se deixar levar por modas. Avalie sempre o que é importante para você e lute para colocar em pratica. Pense por você mesmo.

Cultive um amor

O amor enriquece nossa vida, um amor romântico, um amor físico ou um amor platônico. Ok, sabemos que ter tudo o tempo todo pode não ser possível, mas as lembranças também alimentam nossa alma e não fique triste se o amor romântico já se foi. Desfrute suas lembranças, mas faça de tudo para não perder oportunidades de manter ou iniciar um amor. Avalie o que você pode fazer, como pode conhecer pessoas novas.

Qual o seu conceito sobre divindades?

Não precisa ter uma religião, não precisa praticar nada, mas identifique o que a palavra Deus (ou deuses) significa para você. Mesmo que você chegue a conclusão que não significa nada eu considero interessante ter um conceito – que até pode ser alterado conforme novas informações chegarem até você. Se dê o direito de explorar este conceito frequentando lugares, ouvindo pessoas, lendo. Ter a mente aberta e não critique pessoas que pensam diferente de você pode oferecer uma boa flexibilidade.

Planos para o futuro

Se não souber aonde quer ir poderá andar em círculos. Isso vale para um passeio de domingo como vale para sua vida, carreira e relacionamentos. Tente decorar um cômodo sem antes planejar como gostaria que fosse o resultado final e você terá uma bagunça com elementos lindos que não combinam nada com nada. Assim pode ser com a vida, sem pensar o que gostaria de obter você investirá tempo e dinheiro em coisas e pessoas que no final não valeram a pena.

Atividades prazerosas

Ter lazer pode ser interessante. Saiba que ficar deitado a tarde toda não é lazer, é preguiça, talvez a preguiça pode ser util em alguns momentos mas será que está dentro da sua necessidade? Descubra o que te encanta e pratique. Se sinta eficiente em alguma coisa. Se puder transformar esta eficiência em renda, ou seja em trabalho, melhor, se não conseguir ok também, pratique mesmo assim. Mude de atividades e experimente coisas novas. Não fique chateado de mudar de atividade, o importante que sempre haja algo legal para fazer.

Cuide de seus pensamentos

Gostamos de pensar que tudo o que passa em nossas mentes é verdadeiro, mas nem sempre é. Gostamos de pensar que não somos preconceituosos, mas podemos ser. Você pode se deixar levar pela primeira impressão que as pessoas transmitem, pode crer que qualquer impressão seja intuição. Podemos ser preguiçosos e não nos darmos ao trabalho de analisar nossas conclusões apressadas. Considere que aquele “egoísta” possa ser alguém que passou por muitas dificuldades e não sabe se expressar direito. Considere que o “malvado” possa estar correto em suas colocações. Mesmo que depois de uma destas analises você perceba que sua conclusão inicial estava correta valeu a pena este exercício mental – você pode ter aberto sua mente para novas possibilidades.

Agende sua consulta >> Ligue no (11) 3262-0621 ou clique aqui

Imaginacao

Entrevista cedida para o site Abilio Diniz

Imaginar pode ajudar nossa saúde mental

1 – É possível conduzir o pensamento a nosso favor? A imaginação pode ser benéfica para saúde? Como isso é possível?

Psicóloga: Considero possível e muito desejável que pratiquemos o ato de conduzir pensamentos. Temos duas opções: deixar nossa cabeça, nosso pensamentos vagarem ao sabor de nossas ansiedades e medos ou podemos tomar as rédeas de nossas cabeças. A imaginação é um instrumento poderoso para este auto controle, pois somos muito mais responsivos às imagens do que a apenas ideias abstratas. Quando damos oportunidade a nossa própria mente para desenvolver imagens mentais positivas estamos construindo uma atitude interna muito mais poderosa.

2 – Fantasiar uma cena prazerosa pode trazer uma sensação de felicidade mesmo aquilo não sendo realidade? Porque isso ocorre com a nossa mente?

Psicóloga: Nossa mente não distingue se a imagem é real ou imaginada e reage da mesma forma. Uma prova disto são estudos onde pessoas treinam mentalmente que estão na quadra de basquete praticando cestas, e depois de alguns dias estas pessoas , quando comparadas com um grupo que não treinou, demonstram claramente que melhoraram. Isto quer dizer que tudo o que você imaginar será percebido como real. Outra prova disto são as pessoas com tendência a ruminar, que passam horas pensando nas possíveis coisas desagradáveis que elas imaginam que irão ouvir do patrão, amigo, etc, e quando encontra estas pessoas reage de forma muito desagradável e incompatível com o que esta pessoa realmente falou.

Fantasiar cenas prazerosas trazem tanta felicidade quando fantasiar cenas desagradáveis tras infelicidade.

3 – A imaginação acontece quase que naturalmente, em que situações, ela pode ser prejudicial? Imaginar cenas ruins pode afetar nossos pensamentos e ações no dia a dia?

Psicóloga: A imaginação ocorre naturalmente conforme o histórico de vida da pessoa, ou seja se ela tem vivido coisas interessantes sua imaginação será positiva, mas se ela teve muitas experiências negativas tenderá a ter pensamentos e imagens internas negativas, mas nada impede de que a pessoa não se deixe dominar pelo que já vem acontecendo e permita que nossas possibilidades tomem conta de sua mente imaginando outras cenas mais positivas.

4 – Imaginar como será nossa vida no futuro tem a ver com a construção dos sonhos? Ou seja, imaginando como seria um emprego ou um casamento ideal, passamos a sonhar com isso?

Psicóloga: Se você se refere aos sonhos que temos à noite a resposta é não. Não podemos comandar o conteúdo dos sonhos, mas se você se refere ao sonho simbólico o sonho de uma vida melhor, sim , quanto mais imaginamos um ótimo emprego e casamento mais teremos recursos para ter atitudes que promovam estas coisas.

5 – É possível controlar a imaginação? Como podemos fazer isso? Existe alguma técnica específica?

Psicóloga: Sim, a psicoterapia é uma forma de reconstruir pensamentos para que possamos imaginar cenas mais produtivas em nossas vidas, mas qualquer um pode fazer de maneira simples, basta separar um tempo para isso, sentar-se confortavelmente, respirar fundo, identificar quais conteúdos seriam os mais benéficos e construir cenas dentro deste parâmetro. Deve ter cuidado para que a mente não escorregue para outros assuntos ou ruminações.

6 – Existe algum exercício, por exemplo, em que usamos a imaginação (imaginamos cenas agradáveis) para interromper pensamentos negativos e de preocupação ou até contra a ansiedade?

Psicóloga: O melhor exercício é a reestruturação cognitiva, é uma técnica aplicada por psicólogos para que os pensamentos disfuncionais sejam substituídos por outros mais verdadeiros e positivos. Uma dica seria reconstruir seu próprio passado, ou seja, imagine finais diferentes para as situações negativas do passado. Mesmo que você saiba que o que você esta imaginado agora não foi o que realmente aconteceu seu cérebro lhe fornecerá um repertório mais positivo para que novas construções sejam possíveis.

7 – A imaginação pode ajudar também na criatividade? Como e porque existe essa ligação?

Psicóloga: Creio que tanto ajuda na criatividade como também o oposto é o verdadeiro, a criatividade ajuda na imaginação. 

Agende sua consulta >> Ligue no (11) 3262-0621 ou clique aqui

psi2

Escolha aqui seu Psicólogo - Quanto custa a psicoterapia? - Informações gerais
Consulta com psicólogo - Agende aqui

*O material deste site é informativo, não substitui a terapia ou psicoterapia oferecida por um psicólogo.
Escolha aqui seu Psicólogo
Quanto custa a psicoterapia
Informações gerais
Consulta com psicólogo
Agende
aqui

AGENDE SUA CONSULTA

(11) 3262-0621 / Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Unidade I

Rua Bela Cintra, 968
(Av. Paulista)

Unidade II

Rua Frei Caneca, 33
Centro - SP