Para agendar sua consulta
entre em contato:
(11) 3262-0621 / (11) 99787-4512.

Unidade I: Rua Bela Cintra, 968 (Paulista) - Unidade II: Rua Frei Caneca, 33 (Consolação) - (11) 3262-0621 - Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Terapias para superar o Bullying!

Quando falamos de superação do bullying, inicialmente é preciso que as questões de relacionamento sejam abordadas em cada um de seus níveis, seja no nível individual, no nível da sala de aula / escola ou no nível social / cultural.

Por exemplo, no nível individual, uma criança vitimizada pode ser temperamentalmente sensível e ter problemas para lidar com as emoções, e assim ficar facilmente angustiada; outra criança pode ter problemas para decodificar sinais sociais devido a uma deficiência de aprendizagem de comunicação não verbal, e muitas vezes não consegue dizer se os outros estão brincando ou não.

A criança temperamentalmente sensível pode precisar de ajuda para controlar as emoções, a fim de melhorar as interações entre os colegas e ser mais assertiva; a criança com a deficiência de aprendizagem pode precisar de ajuda para obter e usar habilidades sociais para responder a sugestões sociais.

A criança que intimida pode se tornar facilmente irritada e responder a ofensas percebidas retaliando e intimidando os outros. Essa criança pode precisar de ajuda para regular as emoções, a fim de controlar a raiva e tolerar sentimentos como mágoa ou decepção.

O relacionamento ou contexto interpessoal é crítico para o desenvolvimento e ajuste saudáveis e é a lente através da qual o bullying deve ser entendido e abordado.

No exemplo de uma criança ou jovem que ganha poder e autoestima através do bullying de outros, uma intervenção em qualquer nível que envergonhe esta criança ou jovem provavelmente vai contra os efeitos pretendidos e, inclusive, pode fomentar o próprio comportamento que se está tentando reduzir e eliminar.

É vital abordar o processo ou contexto de relacionamento no qual as estratégias e intervenções são oferecidas.

Mais especificamente um(a) psicólogo(a) pode ser chamado(a) para intervir no conflito, tanto com agressor quanto vítima.

Psicoterapias psicodinâmicas- que são aquelas baseadas nas teorias da psicanálise- bem como a própria psicanálise são chamadas ao enfrentamento deste fenômeno.

Uma terapia que tem destaque é a Terapia Cognitiva-Comportamental (TCC), por seu pragmatismo e metodologia que visa a alteração de atos, crenças e pensamentos, muitas vezes automáticos e automatizados.¹

Com foco no momento presente e questões pontuais voltadas a alteração de comportamentos prejudiciais a TCC é uma das mais citadas na literatura especializada no tratamento das sequelas e na intervenção do bullying

Marisa de Abreu

Psicóloga

CRP 06/29493

Agende sua consulta >> Ligue no (11) 3262-0621 ou clique aqui

Referência:

MISHNA, Faye. Bullying: A guide to research, intervention, and prevention. OUP USA, 2012.

1 JAMES, Anthony C. et al. Cognitive behavioural therapy for anxiety disorders in children and adolescents. Cochrane Database of Systematic Reviews, n. 2, 2015. https://doi.org/10.1002/14651858.CD004690.pub4



psi2

Escolha aqui seu Psicólogo - Quanto custa a psicoterapia? - Informações gerais
Consulta com psicólogo - Agende aqui

*O material deste site é informativo, não substitui a terapia ou psicoterapia oferecida por um psicólogo.
Escolha aqui seu Psicólogo
Quanto custa a psicoterapia
Informações gerais
Consulta com psicólogo
Agende
aqui

AGENDE SUA CONSULTA

(11) 3262-0621 / Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Unidade I

Rua Bela Cintra, 968
(Av. Paulista)

Unidade II

Rua Frei Caneca, 33
Centro - SP