Para agendar sua consulta
entre em contato:
(11) 3262-0621 / (11) 99787-4512.

Unidade I: Rua Bela Cintra, 968 (Paulista) - Unidade II: Rua Frei Caneca, 33 (Consolação) - (11) 3262-0621 - Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Homem emotivo

 Entrevista para Carleto Editorial

Quão intrínseco é o princípio de que homens não podem ser emotivos?

Está mudando, creio que lentamente mas está. Nossa cultura ainda se mostra um tanto machista, patriarcal que, de certa forma, proíbe os homens de serem emotivos, beijarem seus amigos, expressarem emoções.

Talvez a origem esteja no processo evolutivo que manteve por muito tempo os homens em posição de caçadores/provedores e as mulheres na função de coletoras/cuidadoras da família. Um caçador não deveria se emocionar com o sofrimento da caça sob pena de fazer sua família passar fome. Sendo assim comportamentos que iniciaram nas cavernas foram mantidos ao longo do tempo até chagarmos a um momento onde não faz mais sentido, mas continua sendo mantido por puro costume. Isto fez nossa sociedade desvalorizar o homem que demonstrou um pouco mais de emoção.

Psicologo para tratar homem emotivoPor que um homem ser emotivo e transparecer seus sentimentos ainda é visto como algo pejorativo?

Talvez a sociedade considere que o emotivo não tem estrutura para administrar seus sentimentos e comportamentos, e isto iria prejudicar desempenho pessoal ou profissional.

Pode-se dizer que a sociedade, de modo geral, começa a ver de modo positivo que homens transpareçam o que sentem?

Aos poucos vamos evoluindo. Estamos percebendo que uma pessoa emotiva pode ser produtiva, não é sinal de fraqueza, muito pelo contrário, pode ser sinal de empatia.

O que explica a dicotomia entre mulheres dizerem que querem homens mais sensíveis e que as entendam, mas preferirem quem é mais “bruto”?

As mulheres fazem parte da mesma sociedade e mudanças costumam ocorrer aos poucos. Estamos no meio do caminho desta mudança, os sentimentos são ambivalentes. Algumas mulheres podem desejar o “caçador poderoso” mas também podem sentir falta do amigo carinhoso.

Qual é a responsabilidade da criação que as crianças recebem no paradigma do homem que não pode demonstrar o que sente?

Acredito que se levarmos um bebe para uma sociedade onde os homens são livres para serem emotivos teremos pessoas que crescerão considerando isso muito natural e também expressarão seus sentimentos normalmente.

Quão fundamental é que as mães parem de criar os filhos com frases e comportamentos como “Faça tal coisa como homem”, “Comporte-se como homem” e afins?

Frases como essas podem transmitir preconceitos e toda frase preconceituosa deve ser evitada a fim de não perpetuar a distorção cognitiva, ou seja, erro de pensamento.

Agende sua consulta >> Ligue no (11) 3262-0621 ou clique aqui

Há algo negativo quando o assunto é demonstrar sentimentos?

O lado negativo estaria no exagero ou falta de bom senso quanto à intensidade, pessoa a quem está se abrindo ou momento certo. Claro que tudo tem sua hora, medida e lugar. Não é porque consideramos natural que toda pessoa expresse seu sentimento que alguém pode considerar adequado manter todas as pessoas ao seu redor expostas todo o tempo as suas emoções.

Demonstrar demasiadamente o que sente torna o homem mais vulnerável?

Tudo o que tem a palavra “demasiadamente” já pode ser classificado como indesejado. Mas acredito que faz parte da expressão dos sentimentos tornar-se vulneral, pois ao abrir para outra pessoa estamos dando material para este pessoa nos conhecer intimamente. Com este material ela pode tanto nos acolher ou nos atacar. Por isso vale o bom senso e saber o que se está falando e para quem.

Como o homem pode demonstrar emoções sem medo de ser julgado?

Não há como controlar o comportamento e portanto evitar o julgamento alheio, mas o homem pode trabalhar sua segurança para que este julgamento não o afete.

Marisa de Abreu Alves
Psicóloga
CRP 06/29493


psi2

Escolha aqui seu Psicólogo - Quanto custa a psicoterapia? - Informações gerais
Consulta com psicólogo - Agende aqui

*O material deste site é informativo, não substitui a terapia ou psicoterapia oferecida por um psicólogo.
Escolha aqui seu Psicólogo
Quanto custa a psicoterapia
Informações gerais
Consulta com psicólogo
Agende
aqui

AGENDE SUA CONSULTA

(11) 3262-0621 / Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Unidade I

Rua Bela Cintra, 968
(Av. Paulista)

Unidade II

Rua Frei Caneca, 33
Centro - SP