Para agendar sua consulta
entre em contato:
(11) 3262-0621 / (11) 99787-4512.

Unidade I: Rua Bela Cintra, 968 (Paulista) - Unidade II: Rua Frei Caneca, 33 (Consolação) - (11) 3262-0621 - Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Crise no casamento

 

Psicologo para tratar casamento em criseEntrevista cedida para o site Nós Mulheres

- Como saber se o relacionamento está em crise?

Psicólogo: A falta de comunicação entre um casal pode ser um dos indícios de que algo não vai bem. Quando as conversas (mesmo as mais simples) estão terminando em brigas, ou somente um dos parceiros se impõe na tomada de decisões relativas ao casal pode ser sinal de que a relação está sendo unilateral, provocando ressentimentos, raiva, e outros sentimentos negativos em um dos companheiros.

- Como contornar as brigas no casamento?

Psicólogo: Considero interessante encarar de frente o motivo que levou à briga, tentando buscar soluções que agradem os dois. O grande problema pode ser a dificuldade, em algumas situações, de agradar ambos. Acredito que quanto mais se evita os problemas, mais difícil pode ficar para resolve-los, pois a tolerância em relação a eles pode ir ficando menor, o que pode gerar atitudes “explosivas” de um ou dos dois parceiros e conseqüentemente mais brigas. 

- Por que casais brigam tanto?

Psicólogo: Existem muitos motivos que podem levar as brigas. Hoje em dia com a grande demanda de informações e compromissos que as pessoas têm a dinâmica do casal pode acabar sendo influenciada. As prioridades de cada um podem mudar e acabar gerando descontentamento em algum momento. Mudanças nos valores, o estresse, enfim há uma infinidade de causas para brigas no casal. Existem vários motivos que podem levar à brigas ou ao termino de um relacionamento: mudança de prioridades, falta de comunicação, pouco companheirismo, não compartilhamento dos problemas, e pouca afetividade na relação. 

- Como reatar o amor e minimizar os problemas?

Psicólogo: Não há formulas definitivas. Acredito que no relacionamento é muito importante exercer a capacidade de ceder com o objetivo de uma melhor convivência. Mas enfatizo que os dois precisam exercer esta atitude. As vezes a rotina desgasta o relacionamento do casal, o deixando monótono, para mudar isso pode ser importante ter atitudes inovadoras com o objetivo de surpreender o outro e reacender o sentimento do inicio da relação. As vezes coisas muito simples podem ajudar, como por exemplo olhar o álbum de fotos do casamento juntos, relembrar bons momentos, etc. 

- Existe algum tipo de tratamento para a crise no casamento?

Psicólogo: O casal pode tentar sozinho a solução para seus problemas, porém muitas vezes é necessário o auxilio de uma pessoa de fora para tentar ajudar a melhorar a dinâmica. Nestes casos é importante procurar um terapeuta de casal e buscar soluções para uma melhor convivência.

Agende sua consulta >> Ligue no (11) 3262-0621 ou clique aqui

Entrevista cedida para Revista Nova Ed Abril

Casamento em crise

Conversar de forma clara, assertiva e controlada

Conversar do modo correto pode fazer a diferença em um relacionamento. Muitos valorizam demais a sinceridade e o “seja você mesmo”, o problema é que alguns confundem a sinceridade com jogar todos os “bichos” sobre o outro. Usar o momento de conversa para se vingar do outro ou aproveitar que o outro está disposto a ouvir para lançar desaforos pode não levar a lugar nenhum. Seu objetivo que pode ser a reconciliação, a separação ou a descoberta do que seria melhor.

Definir suas prioridades

Considero importante ter em mente o que estamos buscando em um relacionamento, assim como avaliar quais são os objetivos em comum do casal e porque esses desejos devem prevalecer.

Muitas vezes o casal discute por questões que poderiam ser definidas antes mesmo do relacionamento ficar sério, por exemplo, quando uma parte não quer filhos, ou não quer casar. Outras vezes o tema da discussão parece muito banal como o local onde tirarão férias ou os pés na mesa de centro – muitas vezes estes temas podem ser na realidade pretextos para extravasar conteúdo muito mais importante mas que não estão sendo tratados.

Terapia para crise no casamento

Adequar-se a rotina do outro

Por mais cansados que voltemos do trabalho, saber como foi o dia do outro, ouvir seus problemas, superações, conquistas pode fazer diferença. Ou até mesmo dar um beijo, um abraço, pode ser fundamental para manter o relacionamento saudável.

Um fator de alimentação do amor e do relacionamento pode ser a percepção de estar sendo cuidado e protegido. Quando nos interessamos pelo dia do outro demostramos interesse.

Estar presente nos maus e nos bons momentos

Seu parceiro pode adorar saber que você está ao lado dele para enfrentar o problema que vier, mas para uma relação dar certo ele pode precisar saber também que você está presente para comemorar as conquistas, realizações e boas notícias.

Os relacionamentos se fortalecem quando compartilhamos emoções, estar ao lado da pessoa que perdeu um parente poderá ser um grande fortalecedor de vinculo assim como estar ao lado para comemorar as conquistas. Sorrir junto, torcer junto, desfrutar bons momentos podem criam memórias que são guardadas para sempre.

Ser mais otimista

Todo relacionamento pode passar por crises. O modo como cada uma delas é encarada pode definir a relação. Ser otimista pode significar que a percepção de que tudo passa e, sendo assim os momentos ruins também poderão ser finitos, pode oferecer alivio. Esperar pelo melhor pode ajudar a construir possibilidades melhores.

A grande vantagem dos otimistas é que eles são persistentes, e com a persistência pode-se aumentar a chance de sucesso.

Ter esperança

Casais resilientes tendem a encarar os momentos difíceis buscando três grandes elementos da esperança: identificando metas, tomando o controle de suas ações e identificando diferentes caminhos para tornar seus objetivos realidade. Esses elementos ajudam na realização de planos ou até mesmo a superar uma fase difícil.

Tudo isso reflete um ponto muito importante: para manter um relacionamento pode ser necessário esforço. Pensar que “se ele gosta de mim tudo dará certo” pode ser um engano. Na verdade eu acredito que se ele gosta de você e você se empenha no relacionamento é possível que dê tudo certo.

Praticar empatia

A capacidade de compreender as experiências e emoções de outra pessoa pode ser uma ferramenta poderosa em um relacionamento. Além de promover o perdão, pessoas empáticas tendem a ser menos egoístas e mostrar um interesse genuíno no bem-estar do parceiro. 

Agende sua consulta >> Ligue no (11) 3262-0621 ou clique aqui

Entrevista cedida para revista Mais Conteúdo

Importância em Renovar os votos do casamento

Renovar os votos significa estar disposto a declarar, novamente, em voz alta e publicamente que este casal faz hoje a mesma escolha que fez no inicio do casamento. Declaram que não houve arrependimento. Que ainda estão apaixonados, talvez o relacionamento tenha amadurecido, talvez tenham ocorrido obstáculos, mas tiveram forças para superar.

Renovar os votos do casamento ajuda na união e na fidelidade do casal

As pessoas podem se sentir bem ao ouvir ou ver o outro declarando seu amor, e para isso nada melhor do que o ritual da renovação dos votos. Não basta pensar “ele (a) sabe que o amo então não preciso dizer nem fazer nada”, considero importante demonstrar. 

psi2

Escolha aqui seu Psicólogo - Quanto custa a psicoterapia? - Informações gerais
Consulta com psicólogo - Agende aqui

*O material deste site é informativo, não substitui a terapia ou psicoterapia oferecida por um psicólogo.
Escolha aqui seu Psicólogo
Quanto custa a psicoterapia
Informações gerais
Consulta com psicólogo
Agende
aqui

AGENDE SUA CONSULTA

(11) 3262-0621 / Envie Whatsapp (11) 99787-4512

Unidade I

Rua Bela Cintra, 968
(Av. Paulista)

Unidade II

Rua Frei Caneca, 33
Centro - SP